sábado, 24 de janeiro de 2015

AMADURECIMENTO...




Ás vezes precisamos ver o que não queremos, e ouvir o que não gostamos para aprender a dar valor no que realmente importa e deixar de lado sentimentos por pessoas que não valem a pena. E sabe, é ótimo se afastar de pessoas que não nos querem bem, por mais que as amamos, acredite, você se torna extremamente forte tomando uma atitude assim, e o tempo passa e lhe mostra que por mais que você tenha sofrido, foi uma das suas mais sábias escolhas, pois você nunca irá precisar de alguém que não te acrescente, que apenas lhe diminua.
Literalmente, a vida tem suas surpresas, mais ela é tão magnífica que sabe quem tirar da nossa vida, mesmo a gente implorando pra que a pessoa permaneça. A vida ensina que quando se cai, se deve levantar, do mesmo modo que quando nossos sentimentos são feridos, devemos continuar os tendo, pois sentimentos são lindos, nós é que não os depositamos nas pessoas certas, e então como consequência nos maguamos. Mais passa. Tudo passa, e o que não passa, agente tira do foco e segui a vida atrás de novos momentos.
A sempre uma nova reta, um novo sonho, uma nova paixão avassaladora, um novo capítulo da nossas história, nunca é o fim, não enquanto se está vivo, enquanto se dá valor a vida, enquanto se tem valor diante da vida. Sofrimentos passam, amores renascem, amizades se eternizam e a vida segui. E no final, a gente olha pra trás e vê que tudo valeu a pena, vemos na verdade que exatamente tudo, apesar de tudo, sempre vale a pena, porque com os erros obtemos aprendizado, e com os acertos também. No fim, tudo não passa de um jogo onde cada segundo foi essencial e único.

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

SAUDADE E ESPERANÇA

Foi de repente, meio que do nada ressurgiu uma grande vontade de escrever, e com uma outra vontade contraditório resolvi ceder.
Tudo anda tão surreal, as coisas andam caminhando  numa via de mão dupla sem fim, nem o clima anda colaborando muito lá fora, mas, já virou rotina sempre sorrir. São tantos acontecimentos diários, que ás vezes me pego tentado organizá-los na minha mente, e quase sempre obtenho resultados positivos, quase sempre, porque tem dias que parece que  o mundo está de ponta cabeça, ou que eu estou em Marte, cheio de homenzinhos verdes em volta de mim, falando nada com nada. É sério, estou prestando tanto atenção ultimamente nas pessoas que me cercam e alguns só falam coisas desnecessárias.
Minha velha amiga voltou, é. A dona saudade, da qual eu não sentia nenhuma falta. Agora ela anda junto comigo quase o dia todo, e insiste em me trazer lembranças que eu me esforço pra esquecer,até relevo ás vezes, mas é complicado, o que é passado tem que ficar no passado, e ultimamente o passado esta se tornando muito presente, argh.
De maneira geral, continuo esperando que algo muito bom aconteça, ou melhor, que algo mega bom aconteça, será que é pedir demais ? Acredito que não. Se a vida realmente é uma roda gigante, daqui a pouco estou no auge novamente, e tudo dará certo.
A chuva não para de cair e eu estou com a dona saudade aqui do meu lado, sendo que eu queria estar com outra pessoa, uma pessoa que não posso ter, mais faz parte da vida, é tudo sempre assim, como o velho ditado diz: "querer não é poder", então, eu decidi deixar o tempo se encarregar de trazer a felicidade e, levar a tristeza que se encontra nestes dias nublados de outono que, mais parecem dias de inverno.

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

SAIBA O QUE COLHER...





Bom dia!!!
Que nesse ano que está chegando possamos sonhar,
E acreditar, de coração, que podemos realizar cada um de nossos sonhos,
Que esses sonhos possam ser compartilhados pelo bem,
E que eles tenham força de transformar velhos inimigos em novos amigos verdadeiros,
Que nesse ano possamos abraçar,
E repartir amor e carinho,
Que isso não seja um ato de um momento,
Mas a história de uma vida.
Que nesse ano possamos beijar,
E com os olhos fechados, tocar o sabor da alma,
Que tenhamos tempo para sentir toda a beleza da vida,
E que saibamos senti-la em cada coisa simples,
Que nesse ano possamos sorrir,
E contagiar a todos com uma alegria verdadeira,
Que não sejam necessárias grandes justificativas para nosso sorriso,
Apenas a brisa do viver,
Que nesse ano possamos cantar,
E dizer coisas da vida,
Que não sejam apenas músicas e letras,
Mas que sejam canções e sentimentos,
Que nesse ano possamos agradecer,
E expressar a Deus e a todos: "muito Obrigado!"
Que nesse ano "todos" não sejam incluídos apenas os amigos,
Mas também aqueles que, nos colocando dificuldades, nos deram oportunidades de sermos melhores.
E assim começamos mais um Ano Novo,
Um dia que nasce, um primeiro passo, um longo caminho,
Um desafio, uma oportunidade e um pensamento:
"QUE NESSE ANO NÓS SEJAMOS, TODOS, MUITO FELIZES!"

QUE JAMAIS PERCAMOS A SENSIBILIDADE, E O AMOR AO PRÓXIMO!

domingo, 18 de janeiro de 2015

O PEQUENO PRÍNCIPE



Tu julgarás a ti mesmo – respondeu o rei. – É o mais difícil. É bem mais difícil julgar a si mesmo que julgar os outros. Se consegues fazer um bom julgamento de ti, és um verdadeiro sábio.”